quinta-feira, 14 de maio de 2009

Ordo Templi Orientis


Ordo Templi Orientis (O.T.O.), significa a Ordem dos Templarios Orientais, ou Ordem do Templo do Leste; tem umas origens similares à A Hermética Ordem Do Golden Dawn e foi Fundada por Carl Kellner (1851-1905) no ano 1895 na Alemanha. Theodor Reuss (1855-1923) sucedeu a Kellner depois de sua morte, na direção da ordem.

O.T.O é uma Ordem Thelêmica Externa e a primeira das grandes Ordens do Velho Eón em aceitar o Livro da Lei recebido por Aleister Crowley em 1904 e.v. Este livro proclama um Novo Eón no pensamento humano, na cultura e na religião. O Eón surge de uma singela e suprema declaração: a lei de Thelema, que é FAZ TUA VONTADE.

Esta Lei não deveria se interpretar como uma licença para se entregar à cada capricho passageiro, mas sim como o mandato para descobrir a própria Verdadeira Vontade e a cumprir, deixando aos demais fazer o mesmo segundo suas próprias e singulares maneiras.

Todo homem e toda mulher é uma estrela". Em última instância, a Lei de Thelema só pode ser cumprida através dos esforços individuais da cada pessoa. Não obstante, muitos aspirantes dignos da Grande Obra de Thelema têm uma necessidade genuina de informação, guia, companherismo, ou simplesmente desejam a oportunidade de ajudar a seus colegas aspirantes e servir à humanidade.

Tem uma estrutura e um caráter Francomaçon e supõe-se que é de origem templaria.

Seus adeptos têm que ir adquirindo conhecimentos com técnicas como o yoga, o tantra, a magia sexual e com artes arcanas como a cábala, a alquimia e o simbolismo.

Em 1912, Reuss no periódico Oriflamme teria dito que a Ordem tinha posse do grande segredo Hermético , sendo que após a morte do próprio em 1924, Heirich Tränker teria feito de tudo para ter esse pretenso segredo, embora sua existência no poder da O.T.O. é deveras duvidoso.
_

Um comentário:

  1. Olá:

    Sobre o tema "Ordo Templi Orientis", sugiro a leitura do bolg Orobas, em http://orobas.blogspot.com.

    Abraços.

    ResponderExcluir